Últimas do M de Mãe

RSS

Anticoncepcional Injetável na Amamentação

karmienie-2_d

O anticoncepcional injetável pode ser de aplicação mensal ou trimestral.

Eficácia: muito alta, semelhante à pílula anticoncepcional.

  • Composição

Progesterona, hormônio semelhante a um produzido pelo ovário no ciclo menstrual e pela placenta na gravidez.

  • Mecanismo de ação

O anticoncepcional injetável impede a ovulação e dificulta a passagem dos espermatozóides para dentro do útero.

  • Uso

A primeira injeção geralmente é feita quando a mulher ainda estiver no resguardo de 40 dias após o parto sem relação sexual, período em que tem certeza de não estar grávida (obviamente as injeções anticoncepcionais são contraindicadas para gestantes). A partir daí devem ser aplicadas sempre no mesmo dia, mensalmente ou a cada 3 meses (dependendo de ser mensal ou trimestral), independentemente da menstruação.

  • Menstruação

Quem usa anticoncepcionais injetáveis compostos somente com progesterona costuma não apresentar menstruação. A menstruação, já ficar inibida pela amamentação, deve parar totalmente com o anticoncepcional, ainda que se houverem episódios de menstruação não é motivo para se preocupar. Aplicando de maneira correta você estará protegida de nova gravidez independente de sangramento.

  • Vantagens

Praticidade. Não requer uso diário e possui menos efeitos colaterais no estômago do que a pílula, liberando a mesma quantidade de hormônio.

  • Desvantagens

Pode parecer estranho, mas o uso mensal ou trimestral acaba tendo propensão maior ao esquecimento do que a pílula diária, muito por não criar um hábito cotidiano. Lembre-se de ter um controle e um mecanismo para lembrar das futuras aplicações. Se você é daquelas que costuma esquecer tudo, cuidado!

Por ser uma medicação de “depósito”, ou seja, onde uma aplicação tem dose o bastante para vários dias, caso haja algum efeito colateral do hormônio (geralmente nausea, vômitos, alteracão de oleosidade de pele…) o uso não pode ser interrompido.

  • Futuro reprodutivo

O uso de anticoncepcional injetável, seja pelo tempo que for, não vai interferir no futuro reprodutivo da mulher!

Rafael Lacordia - Ginecologista

Não deixe de ler também